Trovas II

Trovas II

 

Quisera ter inspiração

A cada minuto, fazer poesia

Aos que me cercam

Dar alegria

…………………………….

Sapo pulando

A beira do riacho

Peixe nadando

Fica por baixo

…………………………….

Caindo do alto

Me esparramo no asfalto

“cai como luva”

É a chuva!   É a chuva…

…………………………….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s